Justiça do Trabalho de Minas reconhece vínculo de emprego entre motoboy entregador e padaria.

Os julgadores da Quarta Turma do TRT de Minas confirmaram sentença do juízo da 36ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, que reconheceu o vínculo de emprego entre um trabalhador e a padaria em que ele atuava como entregador. Na análise da desembargadora Paula Oliveira Cantelli, relatora do recurso da empresa e cujo voto foi acolhido, por unanimidade, pelos membros da Turma, o entregador exercia suas atividades com a presença dos requisitos do vínculo de emprego (pessoalidade, subordinação, onerosidade e habitualidade), previstos no artigo  da CLT.

Veja a matéria completa em: facebook.com/bachiaoebarros

Link: https://guilhermebachiao.jusbrasil.com.br/noticias/872920776/justica-do-trabalho-de-minas-reconhece-vinculo-de-emprego-entre-motoboy-entregador-e-padaria?ref=feed

Petrarca Advogados